-A A +A
Campus de Goiabeiras - Vitória - ES

I Seminário de Práticas Educativas Indígenas Guarani/Tupinikim

 

​​O I Seminário de Práticas Educativas Indígenas Guarani/Tupinikim será realizado no dia 05 de abril de 2017, no corredor do CCHN/Ufes, entre 11 e 13 horas. O evento contará com apresentação de banners, pinturas corporais, degustação da gastronomia e bebida indígenas, entre outras iniciativas. Participe!

Contextualizando o evento:

Desde o segundo semestre de 2015, a UFES oferece uma Licenciatura Intercultural Indígena (PROLIND), para os indígenas Guarani e Tupinikim do município de Aracruz-ES. Trata-se de uma graduação com entrada única, destinado aos indígenas, com um Projeto Político Pedagógico e uma formação diferenciada.  O curso é ministrado em regime de alternância na Base Oceanográfica da UFES, em Santa Cruz, município de Aracruz-ES. As aulas presenciais são concentradas nos meses de janeiro/fevereiro e julho/agosto, complementadas com várias atividades de pesquisas a serem realizadas nas aldeias. Isso faz com esses discentes não tenham uma presença no Campus de Goiabeiras e nem sejam conhecidos pela comunidade acadêmica dos Campis. Há um desejo desses indígenas conhecerem e participarem dessa dinâmica da universitária. Dentro do possível, os professores do PROLIND procuram ver possibilidades em fazer essa aproximação entre os discentes, docentes e servidores da universidade. 

Toda essa conjuntura fez com que, na finalização da disciplina de Projeto de Pesquisa e Práticas Pedagógicas II, ministrada pelo professor do DEPS/UFES, Lusival Antonio Barcellos, em diálogo com os universitários indígenas, fosse possível realizar o I SEMINÁRIO DE PRÁTICAS EDUCATIVAS INDÍGENAS GUARANI / TUPINIKIM. 

Primeiramente, os estudantes beberam da sabedoria dos anciãos para saber das práticas educativas tradicionais de cada aldeia, muitas delas, desconhecidas por eles. Em seguida, essas práticas foram estudadas, aprofundadas e vivenciadas em sala de aula pelos grupos, com dinâmicas bem originais, que pudessem ser utilizadas na Educação Básica. A próxima etapa foi a dos grupos realizarem com os estudantes do Ensino Fundamental, uma dessas práticas ou de outras conhecidas nas aldeias, seguindo as orientações estudadas na disciplina. Isso resultou na confecção do banner criativo, feito com esteira, estopa e outras matérias-primas da região, para ser exposto no próximo dia 05.04.17, no corredor CCHN/UFES, no horário das 11 às 13 horas. Os visitantes do evento poderão degustar da gastronomia e da bebida indígena, de pinturas corporais e de outras iniciativas que estarão sendo oferecidas durante a apresentação dos banners.

Em cada aldeia existem vários indígenas que são sábios e referências para toda comunidade. Partindo disso, os universitários indígenas escolheram na sua aldeia um representante para ser homenageado, nesse mesmo dia, às 14 horas, no ICII/CCHN/UFES. Cada aldeia irá homenagear seguindo suas peculiaridades.

Na finalização do evento, os graduandos indígenas irão vivenciar algumas dessas práticas educativas e, em seguida, haverá a apresentação de outras práticas educativas (coral infanto-juvenil, dança dos guerreiros etc.) apresentadas por crianças, jovens e adultos das cinco aldeias: três Tupinikim (Comboios, Pau-Brasil e Caeiras) e duas Guarani (Boa esperança e Três Palmeiras), expressando a força da cultura indígena Guarani/Tupinikim.  Será um momento marcante para revelar o diferencial do universitário indígena na UFES.

 

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910